|    home
  Bem-vindo!

Busca artigos por palavra chave




24/09/2011
 

Comportamento

Na primavera, 1000 Elogios ao Dia

Chekes iLLa é diretora e orientadora da Escola do Feminino no Brasil e América Latina. Égraduada em Psicologia pela PUC, de Campinas e conferencista internacional de desenvolvimento pessoal. Há 15 anos dedica-se a estudos de Medicina Chinesa, Taoísmo, Tradições Femininas, Radja Yoga, alimentação naturista e as terapias corporais. Ela é diretora e uma das principais representantes da Escola do Feminino para a América e Europa. Seu trabalho é referência no ocidente para a nova consciência feminina. E, aqui a íntegra da entrevista para a Divina Proporção.Com.

 Divina Proporção.Com – Qual o objetivo da Escola do Feminino?

Chekes iLLa –  Apoiar a mulher em todos os aspectos da sua vida, por meio de conhecimentos que a ajudam na beleza, saúde, rejuvenescimento, relação com o parceiro, educação dos filhos, vida espiritual e desenvolvimento pessoal. Tudo isso por meio de práticas que geram na mulher um estado mais vital, alegre e seguro. 

Divina Proporção.Com – Ao escolher o tema 1000 Elogios ao Dia, o que a escola pretende?

Chekes iLLa –  Dar a mulher o poder de transformar o seu mundo. O ser humano aprendeu a criticar e ver os aspectos negativos. Por meio dessa prática a mulher vê a beleza do mundo e se faz mais bela.

Divina Proporção.Com – Por que ter um curso exclusivo para a primavera?

Chekes iLLa –  Por que cada estação nos influencia e se somos sábios, caminhamos de acordo com o fluxo do tempo. Desta forma, nossas ações têm mais resultados. A primavera é tempo de florescer, desabrochar, iniciar

Divina Proporção.Com – Quem são as instrutoras da escola?

Chekes iLLa –  Temos várias instrutoras no país e fora dele. No Brasil, são 12. Elas têm idades variadas, pois a formação de instrutora é feita por aquelas mulheres que têm interesse em facilitar o desenvolvimento de outras mulheres, independente da idade que tenham. Varias são as profissionais: psicólogas, dançarinas, artistas.

Divina Proporção.Com – Quais os rituais ensinados às mulheres nesta estação?

Chekes iLLa –  A mulher na primavera aprende a se alimentar de forma mais correta, de acordo com a estação. Aprende danças que afloram sua sensualidade e poder de conquista, aprende critérios para escolha do parceiro, aprende yoga que lhe ajuda com a flexibilidade das articulações e rituais de lançar as sementes para o novo ciclo. A primavera é o marco do inicio de um ciclo de um ano, aqui se semeia aquilo que irá nos alegrar e alimentar no outono e inverno. Se, vivemos mal esta época teremos pouca energia vital no outono e inverno.

Divina Proporção.Com – Existem outros Estados em que a escola atua?

Chekes iLLa –  Sim, estamos nas cidades de São Paulo, Belo Horizonte, Brasília, Fortaleza, São Luís, Rio de Janeiro.

Divina Proporção.Com – Quais os outros cursos que a escola ministra?

Chekes iLLa –   Danças sensuais que ajudam a elevar a autoestima feminina, Vida Saudável, Harmonia com o Parceiro, Yoga para mulheres e Despertar da Essência feminina.

Divina Proporção.Com – Onde e por que surgiu a ideia da Escola do Feminino?

Chekes iLLa –    AEscola do Feminino surgiu da investigação e experiência de mulheres de várias partes do mundo, que por mais de 20 anos, com profundidade se dedicaram a desenvolver as práticas da escola. Sobre tudo, neste momento, a mulher procura o seu desenvolvimento pessoal e sente responsabilidade por criar um mundo melhor, mas não existe um conhecimento para as necessidades femininas. Vivemos numa cultura patriarcal, com valores masculinos e a mulher tem aprendido nos últimos anos a ser a cópia do homem, mas desta forma ela se desconecta da sua essência, sofre, não se relaciona bem com o parceiro. A Escola do Feminino cuida de todos os aspectos da vida da mulher. Veja abaixo as 10 dicas para atrair o homem adequado.

Divina Proporção.Com – Quem são as mulheres que frequentam os cursos dessa escola (perfil).

Chekes iLLa –    Executivas, estudantes universitárias, mulheres inteligentes, entre 20 a 60 anos.

 10 Dicas para atrair um homem adequado

  1. Tudo começa pela escolha do homem (alvo). Homem fraco, interesseiro, bêbado não precisa de nenhuma arte, qualquer mulher pode conquistar e carregar nas costas depois (não é esse tipo de homem que devemos desejar atrair).

 

  1. Atrair um homem digno, forte e seguro vai exigir uma grande arte e que valerá a pena dedicar esforços.

 

  1. A mulher deve cuidar da sua imagem, criando uma imagem sensual sem ser vulgar, aprendendo a realçar seus pontos fortes. Escolha um ponto forte no seu corpo e invista nele. Podem ser os olhos, a boca, os seios, as pernas, os ombros, mas não tudo exageradamente ressaltado, opte por uma parte de cada vez!.

 

  1. Um forte componente de atração da mulher é o seu caminhar e seus gestos. Se ela caminha pesado, como um urso, ou como um boxeador, pode ser linda, mas dificilmente provocará desejo em um homem refinado.

 

  1. Brincar com os olhares, não deve encarar o pretendente, mas também não ignorar, a justa medida entre hipnotizar e criar mistério.

 

  1. Jamais fale dos ex-namorados, não critique o ex-marido nem os homens em geral.

 

  1. Sinta e expresse prazer em tudo, ninguém se sentirá atraído por quem é incapaz de ter prazer na vida. Quem sente prazer pode dar prazer!

 

  1. Olhos brilhantes, alegria, leveza, sensualidade e mistério. Quem resiste?

 

  1. Para homem fraco basta se atirar, pois ele aceita qualquer mulher e mais ainda aquela que não lhe exige nenhum esforço, mas homem forte, digno, refinado gosta de ser o conquistador e pede que a mulher conquiste silenciosamente, sendo a caçadora, mas fazendo com que ele pense ser caçador.

 

  1. Comunicação inteligente, astuta, não tem nada mais sedutor para um homem, pois apenas sexo pode ser muito fácil para qualquer homem, mas mulher astuta, que intriga, é uma raridade a ser conquistada.

 

Dicas de leitura

 

No livro Ideias - 100 técnicas de criatividade, pela Summus Editorial, o autor Guy Aznar explica a importância de estimular as ideias. Mas ressalta: o gerenciamento delas é tão importante quando produzi-las. Portanto, é preciso se certificar de que a ideia pode sair do campo do imaginário, do sonho e do desejo para romper os limites objetivos de realização. Resumindo: a ideia precisa ser viável. Por isso, o livro está dividido basicamente em duas partes: produzir ideias e gerenciá-las. Para Aznar, a ideia não é nada sem o lento processo de formulação e reformulação do problema, de enquadramento da busca. Ao final, o leitor encontra um resumo histórico das principais escolas de criatividade do mundo - como a americana, a japonesa e a inglesa - e um breve bate-papo com Roland Moreno, famoso inventor francês que criou o cartão magnético (afinal, como imaginar a vida hoje sem ele?).

O que você faria se perdesse um a um seus entes queridos? Se aparentemente Deus lhe abandonasse? Há quem se desespere; se revolte; se culpe. Mas há também quem decida enfrentar os medos e as dúvidas, deixando a racionalidade de lado e mergulhando nas águas profundas da espiritualidade em busca de respostas. Esse é o enredo de Senhora das Águas, pela Prata Editora, o primeiro livro de Pedro Siqueira, que vem reunindo multidões para rezar o terço no Rio de Janeiro. Nessa obra de ficção, vigorosa e cheia de ensinamentos, Pedro mescla parte de sua própria história, mostrando o poder transformador da fé. Não há quem não se identifique com algum momento da vida da protagonista do livro.

 

 


Publicado por: Divina Proporção
versão para impressão    Envie esta matéria para amigos!

Publicidade
 
© 2015 Divina Proporção, Todos os Direitos Reservados | webmaster
desenvolvido por: Siglobal