|    home
  Bem-vindo!

Busca artigos por palavra chave




30/06/2013
 

Beleza

Beleza sem mistérios

Apesar da juventude que estampa na aparência e na fala, Joyce Rodrigues já acumula 17 anos de experiência na área de estética e cosmetologia, especialmente em pesquisa e desenvolvimento de produtos. Formada em Farmácia e Bioquímica, ela fez pós-graduação e MBA em Cosmetologia. Dedica-se ao Mestrado na Faculdade de Ciências Farmacêuticas da Universidade de São Paulo (USP). Além disso,  está à frente do Instituto que leva seu nome - e que há três anos oferece cursos livres na área de estética e beleza, além de prestar atendimento gratuito à população carente da cidade de Barueri (SP).  Ela fala sobre cosmetologia e estética com exclusividade a Divina Proporção.Com.

 Imagem: Divulgação

Divina Proporção.Com  - Você tem uma linha própria de cosméticos?

Joyce Rodrigues –  Não tenho. Mais projetos futuros não faltam.

Divina Proporção.Com  -  Na sua opinião, qual a maior descoberta nesta área nos últimos anos?

Joyce Rodrigues – O mais interessante da área cosmética são as descobertas que acontecem a cada ano, não existe uma grande descoberta e sim mecanismos diferentes e inovadores em que esses tais ativos atuem e tragam o beneficio esperado para a pele.  Além dos ativos, existem também os componentes básicos das formulações como emolientes, emulsionantes, umectantes entre outros, que hoje já não são tão simples. Estes por sua vez além de fazerem parte da estruturação da formulação, possuem ação benéfica sobre a pele, com estruturas lamelares (idênticas à pele), fosfolipídios que agregam todo o diferencial ao produto final.

Divina Proporção.Com  -  Você tem uma linha de pesquisa?

Joyce Rodrigues – Credito o meu sucesso no amor e dedicação que tenho pela profissão. Trazer alegria em cada contato com o produto cosmético é minha missão. E fazer acontecer. As promessas devem ser cumpridas sempre. E de forma inovadora, vencedora. Assim, eu enxergo o cosmético. Estou sempre em busca de novidades e tendências nacionais e internacionais. Meu novo projeto consiste em pesquisas de desenvolvimento de bases cosméticas, unindo as novas tendências do mercado europeu aos produtos de tecnologia. Estou em estudo de novos claims de mercado, focando a tendência por formulações cada vez mais compatíveis com a pele.

Divina Proporção.Com  -   Forneça, por favor, cinco dicas práticas diárias que  melhoram a pelel.

Joyce Rodrigues – Cuidados básicos são fundamentais para todos os tipos de pele, independente da idade.

1° Etapa – Limpeza

Utilize sabonetes líquidos suaves que removam somente a sujidade e preserve a função da barreira.

2° Etapa – Preparação da pele para procedimentos

Preparar a epiderme é fundamental para os bons resultados nos procedimentos estéticos. Potencializar os protocolos que envolvem equipamentos e tratamentos tópicos pode ter um diferencial se trabalharmos com ativos e aditivos que maximizem a desempenho do conjunto.

3º Etapa – Hidratação e Antioxidantes

Para qualquer faixa etária, há algo especial que não pode faltar: a água. A hidratação da nossa pele é essencial para que a tonicidade se mantenha e a vida das nossas células seja preservada. E por último, o grande aliado de todos os dias, o infalível filtro solar. Ele irá ajudar na proteção da pele contra os raios solares, impedindo o envelhecimento precoce, aparecimento de manchas e câncer de pele.

Divina Proporção.Com  -   Quer acrescentar alguma informação?

Joyce Rodrigues – Com um mercado tão dinâmico quanto o de tecnologia, as empresas de cosméticos estão tendo de se reinventar. O Brasil é o terceiro mercado mundial de produtos de higiene pessoal, perfumaria e cosmético, atrás apenas dos Estados Unidos e Japão e à frente de gigantes como a China. Para mim, o grande lance é o aumento da expectativa de vida. Isso traz a necessidade de conservar uma impressão de juventude,  temos um grande desafio pela frente, é hora de agir. O acesso à informação, por meio da internet, também foi um vetor para tornar o conhecimento mais próximo da população entre 60 e 80 anos. Assim, pelo fato do Brasil ser um dos dez países com maior população de pessoas com 60 anos ou mais nos faz reconsiderar conceitos e produtos até então desenvolvidos com base em alguns estigmas que desconsideravam essa parcela da população que é física e mentalmente ativa. Apesar de todas essas dicas não podemos esquecer que é de extrema importância consultar um profissional, para que ele possa fornecer informações adequadas para o dia a dia. Além disso, existem tratamentos personalizados ás idades.

20 anos: Prevenção é a palavra chave para esse tipo de pele. Nessa faixa é necessário o uso de produtos que contemplem a hidratação e o sistema antioxidante efetivo para as agressões externas.

30 anos: Favorecer a luminosidade. Ativos que impeçam a formação de manchas e previnam o aparecimento de linhas de expressão.

40 anos: Combater as linhas de expressão e rugas. Recomendável à utilização de ativos que chegam à derme e principalmente que auxiliem na reposição do cimento dérmico com o uso de silício orgânico.

50 anos: Suprir as carências hormonais de nutrientes e senescência celular. Nesta fase temos uma pele mais difícil de tratar devido ao desequilíbrio hormonal da idade. É justamente quando a flacidez começa a se instalar, dependendo do nível de atenção que foi dada à pele ao longo dos anos. Portanto, é de suma importância fortalecer a junção dermoepidérmica, aumentar a produção de colágeno e o tempo de mitose e potencializar a produção de energia das células.

A partir dos 60 anos: A pele se torna mais fina e sensível às agressões externas, e também mais amareladas e sem luminosidade e tonicidade. Fica visível a fadiga. O equilíbrio adequado de ativos que atuam em fases diferentes do envelhecimento será necessário para obter resultados diferenciados.

 


Publicado por: Divina Proporção
versão para impressão    Envie esta matéria para amigos!

Publicidade
 
© 2015 Divina Proporção, Todos os Direitos Reservados | webmaster
desenvolvido por: Siglobal