|    home
  Bem-vindo!

Busca artigos por palavra chave




11/01/2016
 

Design

 

1 - Sofá Polo. Designer: Alfio Lisi, preço: R$ 14.249,00;

 

2 - Mesa 3 Volumes. Designers: Marcus Ferreira e Roberta Rampazzo, preço: R$ 7.542,00;

 

3 - Bancos Gana. Designer: Gustavo Martini, preço: R$ 2.248,00 (cada um);

 

4 - Mesa Tira e Põe. Designer: Nó Design, preço:  R$ 6.479,00;

 

5 - Pufe Mesa Link. Designer: Marcus Ferreira, preço: R$ 6.222,00;

 

6 - Mesa Bipolar. Designer: Vicente Lo Schiavo, preço:  R$ 4.080,00.

 

Híbridos: práticos e multifuncionais.

 

Desde 1995,  Marcus Ferreira está à frente da marca Decameron. Trata-se de um escritório e laboratório que produz peças de design. Com o passar do tempo, o designer conquistou o mercado e oferece produtos  para dezenas de lojas no Brasil e no exterior. Ele fala sobre o sucesso do design nacional e as peculiaridades dos produtos híbridos ao Divina Proporção.Com.

 

Imagem: Divulgação

 

Divina Proporção.Com -   Qual a tônica da Decameron? Quando criei a Decameron em 1995, apostei no estilo atemporal e no design nacional, mesclando a produção fabril com as minúcias dos acabamentos e técnicas feitas à mão. Meu olhar sob o design de mobiliário era semelhante ao utilizado na alta-costura. Buscava a perfeição no acabamento, no corte e na escolha dos materiais, uma vez que  o design deve unir o aspecto artesanal com a estrutura industrial.

 

Divina Proporção.Com -   Como as peças eram desenvolvidas? A marca desenvolveu peças características e simbolismos humanos resultantes da produção artesanal. Sofás, poltronas, chaises, bancos e mesas com design limpo e criativo revelam detalhes sofisticados muito comuns na alfaiataria como capitonês, apliques e bordados. Após 20 anos, a Decameron definiu seu posicionamento como difusora do design autoral, mesmo com a expansão alcançada no Brasil e também no exterior. Conquistou diversos prêmios nacionais e internacionais com seus móveis e com o projeto de sua loja, a primeira no Brasil feita com contêineres marítimos, assinada pelo arquiteto Marcio Kogan em  coautoria com Mariana Simas.

 

Divina Proporção.Com -   O que são itens híbridos? Fala-se dos híbridos desde o século 18, quando especialistas começaram a cruzar plantas e animais. Não demorou e o termo se expandiu para o design por representar a união de características fortes. A ideia garantiu peças multifuncionais que ecoam criatividade. Os designers voltaram-se para projetar peças que tenham mais de uma função.

 

Divina Proporção.Com -   Por que os móveis híbridos estão novamente em alta?  Em tempos de praticidade, isso é lei. Os designers estão voltados para projetar peças que tenham mais de uma característica. Assim, surgem sofás com estantes acopladas, cadeiras que viram escada, mesas com gaveteiro, camas com cabeceira embutida, enfim, uma infinidade de produtos. Tudo isso, permitiu que ambientes pequenos, onde não é possível colocar muitos móveis, recebessem a atenção que merecem.

 

Divina Proporção.Com -  Quais as tendências para o design de móveis? Para 2016 as tendências são móveis revestidos com novas estampas e materiais conferindo personalidade e significado às peças. São exemplos: estampas de vegetação, móveis híbridos, estilo vintage, objetos e móveis nas cores Serenity Blue e Rosa Quartz. É  tempo de nuances suaves. O estilo bohemian de móveis - com formas mais arredondadas - está de volta. Além disso, móveis e objetos decorativos recebem cobre.

 

Divina Proporção.Com - E como ficam as linhas retas? algum tempo os móveis com linhas retas tomam espaço nas tendências de decoração. Eles completam o estilo minimalista de morar, que foca em espaços mais limpos com cores neutras e suaves.  

 

Mais informações: 11 3097-8994

 


Publicado por: Divina Proporção
versão para impressão    Envie esta matéria para amigos!

Publicidade
 
© 2015 Divina Proporção, Todos os Direitos Reservados | webmaster
desenvolvido por: Siglobal